Associe-se

7 dicas sobre como organizar as finanças

Credibrf

5 de julho de 2022

Um dos grandes desafios da nossa vida é saber como organizar as finanças e os principais motivos que dificultam são falta de informação, indisciplina, ou até mesmo porque a real relevância desse assunto não é levada em consideração.

No entanto, manter a organização das finanças é uma tarefa extremamente importante, que pode evitar muitos problemas, como dívidas, gastos inesperados que comprometem a renda, acabar gastando mais do que se ganha, entre outros. 

Uma pesquisa feita pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) mostrou que 46% dos brasileiros não fazem o controle do próprio orçamento. 

E se você faz parte dessa porcentagem, não se preocupe! Separamos 7 dicas simples para te ajudar a se organizar financeiramente, confira a seguir. 

Por que é importante organizar suas finanças?

Quando falamos sobre como organizar as finanças a primeira coisa que geralmente vem à mente das pessoas é pagar as contas em dia.

E, realmente, essa é uma realidade de quem tem um bom planejamento. Mas organização financeira não te trata apenas disso. 

Através dela é possível alcançar muitos objetivos, como comprar um carro, uma casa ou até mesmo fazer aquela viagem dos sonhos. Também há a possibilidade de investir e multiplicar o capital, garantindo um futuro mais tranquilo para você e sua família. 

Mas não para por aí, além disso, você consegue evitar problemas de saúde que podem surgir por causa das preocupações, como ansiedade, depressão, entre outras que já foram apontados em pesquisas. 

7 dicas sobre como organizar as finanças

1. Faça um orçamento e um planejamento

O primeiro passo para começar a organizar as suas finanças pessoais é fazer um levantamento de todos os seus gastos fixos, para ter uma noção do seu custo de vida.

Sabemos que esse valor já vai comprometer boa parte da sua renda, então com o restante você fará um planejamento para aplicar em outros custos, realizar investimentos ou reservar.

Esse planejamento pode ser feito da forma que você preferir, por aplicativos, cadernos, planilhas, ou qualquer outra: o importante é começar!

2. Estude sobre educação financeira

Aprenda a cuidar do seu dinheiro, ou seja, comece a estudar assuntos relacionados à educação financeira, para que você se familiarize cada vez mais com os termos e entenda sobre o funcionamento de cada assunto que pode impactar sua renda. Cadastre-se ou acesse nossa Academia Credibrf, lá encontrará conteúdos de qualidade além do Crediplay, um game exclusivo sobre Educação Financeira. 

3. Renegocie suas dívidas

O terceiro passo desse processo é fazer a renegociação de suas dívidas, para limpar o seu nome. Para isso você precisará saber qual o real valor da sua dívida, entender mais sobre as condições de negociação e avaliar cautelosamente qual é a melhor proposta.

4. Pesquise preços para economizar

Hoje temos acesso à informação 24 horas por dia e sete dias por semana, por isso, não há motivos para realizar compras por impulsos. Muitas vezes é possível encontrar o mesmo produto por preços muito mais baixos. Portanto, abuse das pesquisas para economizar e manter o seu orçamento equilibrado.

5. Evite gastos supérfluos

Não coloque todo o seu plano de organização de finanças por água abaixo. Evite ou pelo menos diminua os gastos supérfluos como refeições em restaurantes, eventos sociais, tratamentos estéticos, roupas e sapatos etc. Eles podem te impedir de alcançar seu objetivo. 

6. Separe mensalmente uma quantia para emergências

Imprevistos podem acontecer em qualquer momento, então, é muito importante reservar uma parcela da sua renda para emergências, como por exemplo, gastos hospitalares, acidentes, consertos com o carro, entre outras. 

7. Faça um fundo para despesas anuais

Além dos gastos mensais, temos os gastos anuais como o IPTU, seguros e IPVA. Planejar-se para arcar com essas despesas fará com que não se tornem um problema quando chegarem. 

Esperamos que essas dicas sobre como organizar as finanças te ajudem no atingimento das suas metas. Além delas, você também pode contar com as soluções simples e personalizadas da Credi e ter acesso a muitos benefícios. Saiba mais, clicando aqui.

Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Como faço para ser um cooperado?

Fazer parte da Credibrf é muito mais simples do que você imagina! Basta clicar no botão “Associe-se” logo abaixo, preencher, assinar a adesão e nos enviar juntamente com um documento pessoal por e-mail para relacionamento@credibrf.com.br

Se você preferir, pode ir até o posto de atendimento presencial da Credibrf em sua unidade de trabalho.

Ou você ainda pode baixar nosso aplicativo em seu celular!